sábado, 4 de junho de 2011

Botamoti, o doce de arroz com feijão


Ontem minha mãe passou numa lojinha oriental trazendo duas bandejinhas de sushi (eu prefiro os frescos, mas anyway), um pacote de karinto em forma de bolinhas e essa embalagem com 4 botamotis. E você diz "que?".
Como deveria ser um Botamoti

Bem, eu pensei o mesmo, e tamanha foi minha surpresa ao olhar a composição desta iguaria: arroz, feijão... PARA POR AÍ NÉ GALERA! O doce é feito de ARROZ e FEIJÃO! Sacou? Coisa brasileira?
HAHHADSHADUAHU Bom, não é um doce brasileiro, como esperado. É um docinho japonês, uma mistura (conclusão minha) de moti com manju. Se você conhece esses dois doces, pode imaginar o gosto desse. Se não, você jamais vai conseguir imaginar. O negócio é experimentar mesmo.
Ele tem um gosto surpreendente, a parte de fora (feijão) lembra sim o gosto do recheio de um yaki manju, por exemplo, mas é mais mole. O recheio, lembra um arroz doce mais gosmento, a textura parece bastante com a do moti (o cozido no vapor, se não me engano).
Enfim, é um doce que demonstra como coisas do nosso cotidiano nem sempre são sem graça e a gente tem que enjoar delas. Uma nova forma de comer feijão com arroz!
Desculpa, não resisti e mordi! ._.

2 comentários:

  1. Eu amo Botamoti...minha bisavó fazia sempre pra gente.

    O arroz é cozido normalmente, só com agua e o feijão é o yokan, o mesmo usado no manju, mas fica parecendo mesmo ser mais mole, apesar de ser o mesmo.

    ResponderExcluir
  2. Você tem que experimentar o que minha baachan faz *-*

    ResponderExcluir