quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Iogurte de Soja

Bem, como prometido, aqui está! Mas além de uma receita pra simples consulta, tentarei colocar aqui algumas avaliações com relação aos meus erros e acertos ao executar o procedimento do iogurte.


Você vai precisar de:
1 litro de leite de soja
1 envelope de fermento lácteo (usei o da marca Bio Rich)
1 tigela grande com tampa
1 panela ou leiteira
1 isopor ou outro material isolante de calor


Como proceder:
Comece fervendo 400ml do leite. Os outros 600ml você pode colocar na tigela em temperatura ambiente.
Quando levantar fervura, retire o leite do fogo e misture ao leite frio.
Adicione o fermento lácteo e misture bem até dissolver tudo.

Isso é TUDO o que vem dentro do envelope de fermento.
Feche a tigela e coloque em um isopor ou material isolante para manter a temperatura.
Aguarde entre 4 e 6 horas, até adquirir consistência, e leve à geladeira.
Consumir de preferência em até 3 dias (mas eu já deixei mais tempo que isso na geladeira e não estragou).



Observações relevantes:
1) Tive a impressão de que o fermento é um pouco mais difícil de dissolver no leite de soja do que no de vaca. Mas não passa de uma impressão, não tenho certeza se procede.
2) Talvez pelo motivo acima ou por outro, o iogurte não ficou tão consistente quanto o feito com leite animal.
3) Coloquei uma colher de leite de soja em pó na fervura, pra garantir melhor consistência, mas acho que não fez efeito.
4) Na embalagem do fermento diz que pra adoçar o iogurte, o ideal é que seja feito depois de pronto. Como o leite de soja já possuía açúcar, pode ser que alguma coisa tenha interferido na fermentação do iogute e o ideal seria usar um sem açúcar.
5) Pela razão do açúcar e do aroma de baunilha, esse iogurte acaba não sendo usado em receitas salgadas, se tornando menos versátil que o totalmente "natural".

Bem líquido antes!

Erros:
1) Fiquei com preguiça de pegar um isopor e coloquei a Tupperware dentro de uma sacola plástica bem grossa, fechei bem e guardei no forno desligado por 4 horas. Acredito que se eu usasse um papel alumínio ou o isopor propriamente, teria mantido melhor a temperatura e a consistência poderia ter ficado melhor.
2) Como sou ansiosa, tirei o iogurte do "quentinho" depois de 4 horas exatamente, chequei a textura e coloquei na geladeira. Talvez se eu tivesse deixado uma horinha mais fora da geladeira, tivesse dado mais tempo pra fermentação acontecer.

Cremosinho depois!
Acertos:
1) Usei um leite de soja de caixinha, desses que possuem açúcar e baunilha. Ao mesmo tempo em que isso pode ter prejudicado a fermentação do iogurte, vi vantagem pois, pra consumir de manhã com cereal, praticamente dispensou a necessidade de adicionar adoçante, como faço com o iogurte natural de leite animal.
2) Achei que o sabor ficou até melhor que o de iogurte animal PURO, pois já tem aroma de baunilha. Em compensação, usei esse iogurte em uma receita de bolo e já achei que o sabor não ficou nem um pouco marcante.

8 comentários:

  1. Ahh obrigada!!
    Um comentário sobre a fermentaçao é que o açucar que vem no leite deve ter prejudicado a fermentaçao sim! Isso acontece porque é disso que as bacterias do fermento se alimentam, e se for colocado no momento errado da preparaçao, diminui o efeito desejado pq parte delas sao "gastas" se alimentando do açucar, ao invés de fazer o que a gente quer (:
    (desculpa a redaçao, mas eu como eu faço quimica, nao me aguentei hehe)
    vou fazer este final de semana e te dou um feedback!
    beijao!

    ResponderExcluir
  2. Erika, aproveite e me indique um leite de soja de caixinha que seja mais apropriado pra culinária, pq só acho os que são adoçados =(

    ResponderExcluir
  3. to na busca tb! acho que eles fazem assim pra mascarar o sabor residual da soja :x
    eu tava pensando em usar o em pó ou entao colocar mais fermento!

    ResponderExcluir
  4. Uma coisa que eu esqueci de perguntar... Aonde eu compro esse fermento??

    ResponderExcluir
  5. Eu comprei o meu fermento na Zona Cerealista de São Paulo... foi difícil encontrar pq nas poucas lojas que tinham, havia acabado. Mas lá é o lugar mais fácil de achar! Você compra uma embalagem com 3 envelopinhos, cada um rendendo 1 litro. Paguei R$9,80 cada embalagem.
    Fora isso, dá pra comprar também naquelas lojas de produtos naturais e suplementos no estilo "Mundo Verde", o preço é o mesmo.
    AH! E cuidado quando for comprar... se vc for distraída vão te vender "fermento biológico" ao invés de "fermento lácteo", tem muita gente mais leiga que a gente trabalhando nessas lojas HAHAUDHADAU

    ResponderExcluir
  6. iuaehiauheiauheiaue

    ok, vou ver algum dia pra ir na cerealista, caso nao ache no mundo verde aqui perto
    obrigada pela dica ;)

    ResponderExcluir
  7. Acabei de ver em um blog que existe um leite da Yoki que é vegetal e para uso culinário!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Erika, achei muito bacana seu post sobre iogurte de soja, faz tempo que eu queria uma receita simples pra tentar fazer em casa. Vou experimentar com o leite de soja em pó e com o dobro de fermento lácteo. Caso ainda fique muito líquido, acho que dá pra engrossar com maisena depois.
    Uma dica que eu ía te dar é que leites vegetais não se dão bem com a fervura, já experimentei várias vezes e com vários leites, o único que não desandou foi o de aveia.
    Se precisa deixar morno para dissolver o fermento, melhor aquecer só um pouco, antes de ferver pra manter a consistência.

    ResponderExcluir